Sindicato concorda com números do Governo e não faz greve
20/06/2016 21:29 em Novidades

O presidente do Sindicato dos Fiscais de Tributos Estaduais de Mato Grosso (Sindifisco), Ricardo Bertolini, afirmou que a sua categoria decidiu não aderir à greve dos servidores públicos, que cobram pagamento integral da RGA (Revisão Geral Anual), por entender que os números apresentados pelo Governo “estão corretos”.

Em nota, Bertolini disse que o Sindifisco não desistiu da RGA, mas que a categoria deliberou contra a greve por acompanhar diariamente os números do caixa do Estado.

“Temos a compreensão que os números apresentados pelo Governo Estadual, quanto à receita e a despesa com folha de pagamento, estão corretos. Sem aprofundar nos problemas que fizeram o Estado chegar a esta situação financeira, informa que já vinha alertando para o risco de uma gestão irresponsável dos recursos públicos, ainda em gestões anteriores”, disse.

Segundo o sindicalista, se o Sindifisco aderisse à greve, em meio à crise econômica do país, poderia piorar a arrecadação do Estado. Com a piora na arrecadação, o Governo teria, para ele, dificuldade não só do pagamento da revisão, como da folha salarial.

Fonte: Douglas Trieli

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!